quinta-feira, 27 de setembro de 2012

Escrevendo muito sem doer a mão!

Olá olá a todos, espero que o tutorial a baixo sirva de algo, principalmente nessas épocas do ano cheias de vestibulares malditos, e que essas dicas deem uma aliviada às nossas tendinites! amém.

Por algum motivo esse tutorial é completamente contra a ideia do blog, ele é útil e meio comprido... maaaas de qualquer forma

Vamos lá:

1- Escolha uma caneta que se ajeite confortavelmente na sua mão. Em geral, as canetas de diâmetro mais largo e corpo texturizado são mais confortáveis.



2- Experimente a caneta antes de comprá-la.

               

Procure por uma loja que venda canetas avulsas. Dessa forma, você pode facilmente experimentar vários tipos de caneta.
Certifique-se de que a caneta tenha uma escrita perfeita, sem falhar ou arrastar a tinta deixando seu texto todo borrado.


3- Segure a caneta de leve. Não aperte os dedos em volta da caneta. Você vai usá-la para escrever e não estrangulá-la.



4- Não force a caneta sobre o papel. Com uma boa caneta, você não precisa fazer muita pressão ao escrever, simplesmente, coloque-a de leve e uniformemente sobre o papel. Se você preferir usar um lápis, escolha um de grafite macio.



5- Escreva usando o seu braço e não os seus dedos. Escrever não é o mesmo que desenhar! Mantenha sua mão e pulso relaxados e use o seu cotovelo e seu ombro como se você estivesse escrevendo num quadro negro.




6- Preste atenção à posição da sua mão. Você, provavelmente, nunca prestou atenção ao jeito de segurar a caneta, pois faça-o agora.




7- Mantenha uma boa postura. Se você se debruçar sobre a sua mesa, a sua nuca, seus ombros e braços ficarão cansados com muito mais rapidez. Quando estiver escrevendo por muitas horas, varie sua postura. Mude sua posição na cadeira e relaxe suas costas por alguns minutos.



8- Faça algumas pausas. A menos que seja um trabalho urgente e você não tenha outra opção além de escrever ininterruptamente, faça uma pausa a cada 40-60 minutos. Ande um pouco durante alguns minutos e relaxe suas mãos, seus braços e pulsos durante essa pausa.


9- Deixe a caneta sobre a mesa quando você não estiver escrevendo. Sempre que você não estiver escrevendo, deixe a caneta de lado, recline-se na cadeira e relaxe os dedos.


10- Exercite a mão que você usa para escrever. Segure a caneta (ou lápis) e move-a entre os seus dedos; abra e feche sua mão, depois, estique os seus dedos e pulso gentilmente.




11- Limite o total de tempo que você usa para escrever. Se estiver escrevendo por um longo tempo, pare e deixe o resto para mais tarde ou para o dia seguinte.



12- Divida o tempo que você dispõe para escrever em curtas sessões. Se você tiver muita coisa para escrever, tente fazê-lo em curtos períodos de tempo ao invés de usar apenas um único e longo período.



13- Se você for digitar, então, faça da forma correta.



Mantenha seus pulsos em uma posição neutra. Enquanto digita, não dobre seus pulsos, especialmente para baixo.
Use uma bandeja para teclado a fim de ajustar a posição do mesmo.
Certifique-se de que seu corpo e seus braços estejam em uma posição neutra.
Não aperte as teclas com força. Ao contrário das máquinas de escrever, computadores funcionam melhor quando você usa um toque leve, o que irá forçar menos as suas mãos.

14- Faça algo diferente no dia seguinte. Se um trabalho escolar, um projeto de trabalho ou qualquer outra coisa importante manteve você escrevendo exaustivamente, tente fazer os exercícios mencionados acima ou use uma bola anti-estresse, elas são ótimas para evitar lesões causadas por movimentos repetitivos.




15- Consulte o seu médico se você sentir dores constantes e/ou excessivas quando estiver escrevendo. Se depois de tentar os exercícios e todas as dicas você ainda sentir muita dor, não deixe de consultar o seu médico e explicar a situação. Ele poderá recomendar um tratamento adequado. Se escrever estiver relacionado com a sua profissão, o seu médico poderá também indicar acomodações que sejam mais adequadas.



Espaço de trabalho adequado ao seu tamanho (como mesa e cadeira com altura certa).
Uma escolha melhor de material para escrita
Pausas regulares
Mais tempo para terminar trabalhos longos de escrita
Uma variedade maior entre trabalhos de escrita e outros tipos de trabalho
Uma avaliação de um especialista que possa sugerir materiais ergonômicos.



Este tutorial foi integralmente usurpado do WikiHow.









Um comentário:

  1. Muito boas suas dicas, porém seguem algumas observações: a figura 7 mostra uma pessoa escrevendo com o cotovelo sem apoio, "voando" no espaço. O ante-braco e o cotovelo precisam estar apoiados sobre a mesa. Uma criança precisa saber como deve sua postura ao escrever, desde cedo. Canhotos devem inclinar o papel, caderno, livro (...) do lado contrário dos destros para que sua letra seja lida com facilidade enquanto escreve. Abraço

    ResponderExcluir