quarta-feira, 4 de maio de 2011

Consertando uma cadeira com fita crepe

Você vai precisar de:

- Uma cadeira fajuta
- Fita crepe
- Durex
- Dentes, ou tesoura, o que preferir


Siga o passo a passo acompanhando as fotos e boa sorte.


Primeira etapa: Sente-se na cadeira, e quando começar a ficar cansado e com sono, se espreguice. O encosto da cadeira dará um estalo e cairá no chão, e você provavelmente cairá ridiculamente junto com ele.
Pronto, você já tem uma cadeira quebrada, como ilustrada aqui:

Veja de outro ângulo:


Próximo passo: Pegue um rolo de fita crepe e dobre-a no meio, como na foto:
Caso queira uma gambiarra mais resistente, una a fibra da fita crepe com a elasticidade do durex, colando um no outro antes de dobrar, como na foto a seguir:
Aqui você pode ver de outro ângulo a produção do nosso fio de fita crepe com núcleo de durex:
Se preferir, você pode ainda fazer o núcleo separadamente, fixando uma ponta do durex num lugar e girando o rolo pra que fique como na foto abaixo, e depois revestí-lo com fita crepe.

Faça, a princípio, aproximadamente 1 metro desse fio/fita. Depois faça mais, se necessário.

Passo 3: Baixe na internet um manual de escotismo e aprenda a fazer uma amarra chamada "amarra quadrada"


Passo quatro: Faça a amarra quadrada, como explicado visualmente abaixo:
.
.
.

Veja como ficou bonito:

É recomendável que você termine aqui seu trabalho nisso. Mas é bem provável que você precise continuar:

Quinto [e plenamente desnecessário e não recomendado] passo:
 Seu trabalho ficou tão bom que você se esquece do que é feito e repete o mesmo erro, forçando o encosto da cadeira pra trás ao apoiar nele mais do que 23% de seu peso, e a fita crepe se rompe. Porém dessa vez você não cai ridiculamente pra trás, graças à elasticidade do núcleo de durex. Você olha para seu lindo trabalho e vê que ele está arruinado.

É nessa hora em que você, mestre da gambiarra, abençoado pelo santo McGyver, tem um ataque de fúria e resolve revirar sua mochila da escola, também conhecida como seu acervo infinito de material para gambiarra. Em meio a potes de tinta, boomerangues, uma bússula, uma toalha [42!], bilhetes rodoviários amassados, um cabo USB, um carretel de linha e uma caixinha vazia de tictac, você encontra uma tira/alça que veio no fichário que você usava dois anos atrás. Ela parece mais resistente do que os materiais usados até então, e você resolve testar. Acompanhe as imagens e faça você mesmo:


.
E pronto, aqui está sua cadeira, funcionando perfeitamente!

Lembre-se que a tira pode lacear com o tempo e ficar frouxa. Nesse caso, apenas coloque-a um pouco mais pra perto do ponto onde um dia foi a solda.

Adendo: sua cadeira ficou linda e maravilhosa e está operando com 100% de sua capacidade de funcionamento, mas você ainda acha que tem algo errado. Parece que ela está muito baixa com relação à sua mesa. Oh, Nossa Senhora da Gambiarra, o que fazer?

Pegue aquela borracha velha que você tem sobrando em casa [é claro que você tem uma borracha velha sobrando, por que você nunca acabou com ela, ninguém nunca termina uma borracha]. Pode ser até mesmo aquelas malditas borrachas "de apagar caneta" que não apagam tinta de caneta porra nenhuma, e nem grafite conseguem apagar direito sem rasgar o papel junto.
Com um estilete [a menos que você prefira estragar sua tesoura, ou mastigar a borracha até rasgar, a escolha é sua] corte a borracha em quatro partes do mesmo tamanho. Mais uma vez entra na história a fita crepe, manifestação física da Deusa da Gambiarra. Cole os quatro pedaços da borracha na cadeira formando pezinhos. Se você acha que ainda ficou muito baixo com relação à mesa, corte cada um desses quatro pedaços em dois e coloque de dois em dois um sobre o outro, dobrando a altura dos pezinhos. Disso ainda não tem foto por que eu projetei a obra de arte mas ainda não fiz. 



[PARTE ADICIONADA POSTERIORMENTE]


 Então, crianças como prometido, aqui está o pedaço que ficou faltando quando eu fiz o post:

 Você vai precisar de:

Uma cadeira 


Uma borracha [sim, estava escrito "ctrl z" nela] 
Como meu estilete foi roubado por gnomos do mal [os mesmos que roubam meias e palhetas], eu não tinha como cortá-la e tive que rasgar na unha mesmo. Por isso não ficou muito retinho, mas isso é irrelevante nesse caso.


Cole como na foto e... 



 Tarããã, você tem uma cadeira uns 2cm mais alta. 




3 comentários:

  1. Esse cara é praticamente um McGuyver, um Professor Pardal, e depois EU GÊNIO, gênio é esse cara kkkkk

    ResponderExcluir
  2. Hahahah, valeu, mas eu não sou "um cara".
    E a arte da gambiarra está impregnada na essência de todo universitário pobre morando sozinho. Questão de sobrevivência.
    /yaoming

    ResponderExcluir
  3. KKK compra os rodizios aqui http://tudoparaocondominio.com.br/flog/album/rodas-roldanas-rodizios-rodinhas-de-gel-cromo-aluminio-cromado-aco-carbono-pino-com-sem-trava-placa-moveis-movel-cadeiras-pvc-polipropileno-alphaville-morumbi-perdizes-higienopolis-sao-paulo-pinheiros-zona-oeste-zona-leste-zona-sul-zona-norte-centro/image-roda-para-cadeira-giratoria-silicone-anti-risco-branco-pino-com-trava?id=1554966

    ResponderExcluir